Pages

sábado, 19 de abril de 2014




                                           Intervenção Institucional no CEF 316







  Aconteceu no último dia 14/04/2014 no CEF 316 ação articulada entre a EEAA dos Anos Finais, Ensino Médio e EJA (Maria José-Pedagoga, Eleuza-Psicóloga e Juliana-Psicóloga) e a equipe pedagógica responsável pelo Projeto Interventivo de Correção de Fluxo do CEF 316, cujo tema foi "Motivaçã.







 Professor Marcelo do CIL Gama e alunas Isabela e Ana Carolina, participantes do Programa Brasília Sem Fronteiras                                                                                                                                                                                  


 Gostaria de complementar com uma nota de agradecimento pelo acolhimento da Unidade Escolar | CEF 316  e Iniciativa de um trabalho tão importante quanto esse para os nossos  alunos dos Anos Finas e EJA | " Professores incentivem cada vez mais seus alunos, para que eles saibam que juntos podemos mais..." Vivi.   Coordenadora Intermediária do SEAA- Greb/CRE.


Aos Profissionais da EEAA gostaria de afirmar o meu orgulho por coordenar pessoas tão dedicadas e compromissadas com a qualidade de Ensino...  VIVIANE






 Iniciativas como essa só tem o que acrescentar  ao nosso cotidiano pedagógico. Interagir com toda a comunidade escolar e seus segmentos  permite crescimento simultâneo de todos.

 .



 Ganha o estudante, a família ,a escola e a sociedade.         




Parabéns a equipe de SEAA , coordenada pela prfª Viviane Calce e ao CEF 316 pela acolhida . Que venham outras atividades articuladas !!!!

segunda-feira, 14 de abril de 2014

Trabalho articulado acontecendo no CEI 416


                                                 Trabalho articulado acontecendo no CEI 416












Quando o estudante  e o seu sucesso são o foco central da realidade escolar, as parcerias são mais uma oportunidade de garantia de direitos, de socialização, de tentativas ,de ações pedagógicas favoráveis ao bem estar e à conquista de ideais.
           As profissionais dos Serviços de Apoio  EEAA/SOE do CEI 416 de Santa Maria pensam assim e realizaram nesta quarta-feira uma discussão com os professores da escola.

Na pauta ,discussões como:
                                                 O que é?
                                                 A quem atende?
                                                Como funciona o trabalho articulado da Pedagoga Tatiana, da Psicóloga Ester e da Orientadora Francilene?


Discussão animada que contou com a  participação de todos os profissionais da Educação presentes na escola.O espaço da coordenação coletiva sendo usado para  efetivação da inovação do fazer pedagógico. Quem ganha com essas ações? A escola, os estudantes, as famílias e,consequentemente a sociedade. 

 Foram feitos esclarecimentos das ações realizadas com por estas especialistas, suas atuações, suas atribuições e espaços.  Para enriquecer ainda mais o debate houve um momento de reflexão e orientações  importantes sobre a medicalização na educação.






Parabéns a toda a equipe do CEI 416 pela iniciativa !!!!






Período: 23 a 30 de abril de 2014

O FAFEESP está na sua 13ª Edição. Na perspectiva da Educação Inclusiva, o Festival visa desenvolver atividades lúdicas para os alunos da rede pública de ensino (com/sem deficiência), por meio de atividades esportivas como: Futsal, Tênis de Mesa, Hóquei sobre o Piso, Atletismo, Xadrez e Gincana. O Projeto procura, também, envolver professores, membros da comunidade e pessoas interessadas em favorecer uma perspectiva pedagógica do esporte, que seja crítica e inclusiva.

Informações / Inscrições: http://fafeesp.net78.net/
Dúvidas: 3901-6593 (GREB/CRE Sta. Maria) | 3901-6614 (CEE 01 Sta. Maria) - Cre Santa Maria



Estão disponíveis 460 vagas para o sistema de seleção de Agente de Vigilância Ambiental da Saúde.
Como requisito, o candidato deve ter Ensino Médio Completo ou equivalente. A jornada é de 40 horas semanais, e o salário de R$ 1.620,00.
Quem quiser se inscrever deve acessar o site:www.idecan.org.br, entre 16 de abril e 8 de maio.
Mais informações: goo.gl/aBVGfo


                        I Dia de Formação da Educação Infantil








Aconteceu no último dia 09 de abril o I Dia de Formação da Educação Infantil. O tema desse primeiro encontro foi "Avaliação/Diretrizes de Avaliação". Participaram todas as professoras e professores da Educação Infantil das escolas públicas de Santa Maria,bem como Gestoras e Gestores, Supervisores Pedagógicos e Coordenadores Pedagógicos. O I Dia de Formação da Educação Infantil também contou com as presenças das (dos) Profissionais Especializados de Apoio à Aprendizagem de Santa Maria e a  GREB/-CRE Santa Maria . O encontro foi realizado no CEI 416.
    A Educação Infantil é coordenada pela Profª Silmara Cruz ( GREB/CRE).

 

As atividades pedagógicas se iniciaram com uma apresentação espetacular do CRA/PNAIC a cerca do processo de avaliação na atualidade. A peça teatral é uma versão moderna do diálogo entre a Branca de Neve e o Espelho Mágico. Excelente reflexão sobre o ato de avaliar.






O tema foi bem dissertado pelo Doutor em Educação pela Universidade de Brasilia Profº Eri ( SUBEB) .  O Prof versou sobre as etapas e caminhos do desenvolvimento na Educação Infantil,bem como as modalidades de Avaliação nesse período tão primordial da vida das nossas crianças. Ressaltou a importância de reflexões sobre o assunto e suas vertentes e lançou alguns questionamentos pertinentes à prática pedagógica e avaliativa:
"A avaliação deixa marcas.Quais você possui?Quais você tem deixado?"
 Segundo o Profº Eri, não é necessário transformar a escola em um rancking. A avaliação deve ser um processo natural e confortável para as crianças,tendo em vista que devemos desenvolver no outro a capacidade de avaliar,pois seremos nós mesmos avaliados também. Outra vertente abordada pelo palestrante foi a participação familiar na vida escolar das crianças. Vivemos numa época em que as famílias são um plural diverso. Daí, a necessidade de adaptação pedagógica na realidade escolar.  A família mudou . E a escola?

Tanto família como escola precisam urgentemente levar em consideração  várias nuances no desenvolver de nossas crianças, na sua infância ,nas brincadeiras,gostos e preferências, a perda da ingenuidade,as novas tecnologias. Nesse caso quanto mais proximidade e parceria entre escolas e famílias mais vivência e aprendizado acontecerão.
Enfim, o I Dia de Formação da Educação Infantil foi um verdadeiro fazer pedagógico inovador na Educação .Tempo precioso e momento rico de troca de experiências e questionamentos para todos os profissionais da Educação . 
Os próximos encontros acontecerão em 29/07, 17/09 e 12/11,sempre com temas atuais e fundamentais para a prática pedagógica inovadora. 


EDUCAÇÃO DEMOCRÁTICA E DE QUALIDADE SOCIAL TAMBÉM SE FAZ ASSIM!!!!


quarta-feira, 2 de abril de 2014


                                 CDIS       Parceria Santa Maria /Gama

                                         Oficina Pedagógica a todo vapor





 O curso  CEDIS  acontece todas as terças-feiras, matutino e vespertino, no Pólo Gama com a participação dos professores da rede púbica do DF nos segmentos Anos Iniciais,Anos Finais e Ensino Médio.
O curso visa  dar suporte pedagógico a todos os professores que trabalham com turmas de CDIS. Além do preparo de materiais pedagógicos para serem utilizados nas aulas práticas, também há muita pesquisa e estudo do assunto,dos índices,das fragilidades e potencialidades do processo ensino -aprendizagem.



Com carga horária de 180h ,seu término está previsto para novembro de 2014.

O curso CDIS é coordenado pelo Profº  Reginaldo ,da Oficina Pedagógica do Gama e pelas Profªs Mara Evangelista e Debora Chaves da Oficina Pedagógica de Santa Maria.
Momento adequado para debates e discussões em torno do tema distorção idade/série, bem como sua funcionalidade e recursos a serem aplicados na tentativa de ajuste dessa distorção.
Juntos, professores da rede e Oficinas Pedagógicas ( Santa Maria e Gama)  consolidam pesquisas e prática em um novo fazer pedagógico.   Que turmas temos?
Que turmas queremos?  Como atingir nossas metas?      

 É preciso repensar práticas pedagógicas inovadoras,que avancem em direção ao sucesso e à motivação dos nossos estudantes...afinal,são eles a essência do nosso trabalho !!!

terça-feira, 1 de abril de 2014


                 Articulação e Construção Coletiva do PPP nas escolas de Santa Maria


 E  a construção coletiva do PPP nas escolas de Santa Maria continua. Esse é um momento de debates ,reflexões, conversas e entrosamento nas Unidades Escolares e  na CRE- Santa Maria . Hoje foi a vez dos Anos Finais, coordenados pela Profª Ederlânea ( GREB/Santa Maria) e o Ensino Médio, coordenado pelos profºs Genival, Robinson e Rita de Cássia ( GREB/Santa Maria). Extremamente importante a participação de cada segmento da Unidade Escolar, tendo em vista a amplitude que é o PPP das escolas . Mais que um traçado de projetos, um planejamento sistematizado das ações pedagógicas que, em consonância com a realidade escolar, resultam numa perspectiva de educação inclusiva ,integral e de qualidade social.
Esse é o momento propício para ajustes,estudos, redefinições, reorganizações no âmbito educacional.
As coordenações coletivas são o melhor espaço para esse debate ,ocasião em que toda a escola está reunida em prol do crescimento e desenvolvimento do fazer pedagógico. Aliás, as coordenações coletivas foram instituídas com essa atribuição: proporcionar aos profissionais envolvidos na educação um momento de estudo,aperfeiçoamento,debate,reflexão análise,avaliação,aplicação e construção.
A Gerência Regional de Educação Básica -GREB de Santa Maria oferece Consultoria  às escolas que necessitarem de auxílio nos diversos momentos de discussão e aplicação das Orientações Pedagógicas nessa construção coletiva. Os consultores são os Coordenadores Intermediários da GREB, que podem auxiliar e orientar as escolas no andamento de todo o processo.


 Dessa forma, unidos todos os segmentos da educação e da Unidade Escolar caminhamos para mais um grande feito pedagógico com a contribuição dos  envolvidos no processo ensino-aprendizagem , a exemplo do Currículo em movimento, do qual todos fizemos parte e o consolidamos para seu uso nas escolas do DF.






 Portanto,como afirma Miguel Arroyo "Garantir o viver,o sobreviver,garantir a humanidade dos filhos das famílias desumanizadas é também tarefa da docência  porque o viver precede o aprender."

                                           Educação pública , democrática e de qualidade social se faz assim!!!!


segunda-feira, 31 de março de 2014



Professor(a) atleta e  Atleta professor(a) !!!!!





A categoria participou  na manhã deste domingo,30/03/2014, da corrida promovida pelo sindicato em comemoração aos 35 anos da instituição. Um total de 1,5 mil se inscreveram e foram divididos em duas modalidades: corrida de 5km e caminhada de 5km. Os três primeiros lugares de cada categoria receberam troféus e todos os participantes receberam medalhas .



Parabéns a todos os colegas que participaram desse evento esportivo. Mais importante que ganhar troféus ou medalhas é  envolver-se,movimentar-se,prestigiar...viver !!!